• Dra. Paula Reichert Leite

Procrastinação



Procrastinar não é preguiça…. É um processo ativo… você escolhe fazer outra coisa ao invés do que você sabe que deveria estar fazendo… Preguiça é inatividade, apatia, falta de vontade de agir.


Normalmente procrastinamos coisas que achamos desagradáveis… e priorizamos o que nos traz prazer… isso ativa nosso centro de recompensa, regido pelo neurotransmissor Dopamina. Esse centro também é ativado com sexo, drogas, comfort foods (aquelas comidas, geralmente cheias de gordura e açúcar que te remetem à casa dos avós, ao colo da mãe).


Mas procrastinar traz consequências como vergonha, culpa, redução da produtividade, não atingir metas. Isso impacta não apenas a profissão mas também relações pessoais. E pode ser um sinal de Depressão.


Muitas vezes é como a teoria do ovo e da galinha… A depressão (por alterações de neurotransmissores) e o stress (aumento de cortisol e catecolaminas, alterações nos hormônios) levam à procrastinação e adoção de hábitos de vida pouco saudáveis (alimentação ruim, sedentarismo, falta de resiliência para lidar com o stress). Isso, por sua vez leva à inflamacao cronica de baixo grau que causa neuroinflamação… levando a Depressão, Ansiedade e Alterações do sono… que por sua vez pioram as escolhas de hábitos de vida e a inflamação… É um ciclo vicioso que precisa ser quebrado!


Identifique a Causa da Procrastinação:


Reconhecer o problema. Seja honesto consigo mesmo. Avalie em quais áreas da sua vida voce está procrastinando, fazendo más escolhas. Quando identificá-las analise o porquê de estar procrastinando:


- Tédio: você acha a tarefa chata, desinteressante… se esse é o caso, foque em terminá-la rápido, para que você tenha tempo de fazer as coisas que te interessam depois.

- Falta de organização: Sem organizar sua agenda dificilmente você irá arranjar tempo para coisas “chatas”… Organize listas “para fazer”, e vá riscando o que está feito… A sensação de eliminar itens da lista aumenta nossa Dopamina!

- Perfeccionismo: pessoas perfeccionistas ficam com preguiça de começar uma tarefa porque como sua exigência é alta, sabem que vai demorar e dar muito trabalho para que fique como elas gostam… Se esse for seu caso, adote o lema: antes feito do que perfeito! Não desperdice seu tempo e energia tentando elevar o padrão da tarefa… Isso vai te desgastar e para os outros o resultado do “muito bom” é idêntico ao do seu perfeito.

- Medo de falhar… Sensação de dúvida quanto à sua capacidade: preocupação de falhar leva a procrastinação. Você escolhe tarefas mais fáceis que sabe que consegue realizar. Mas ninguém cresce na zona de conforto. Desafios são a maior oportunidade de crescimento. E ninguém nasce dominando uma técnica. São milhares de horas de trabalho. É muito nobre assumir a posição de “estudante”. Absolutamente todos sempre têm algo a aprender sobre qualquer assunto. Todos os “gênios”da história começaram do zero e sabiam, mais do que qualquer pessoa, que “Só sei de que nada sei”.

- Indecisão: pessoas que temem fazer a escolha errada ficam paralisadas frente a situações de decisão. Trabalhe isso em terapia pois temos que fazer escolhas todos os dias, da hora que levantamos até a hora de dormir. Ficar ansioso frente a escolhas levará suas drenais à exaustão!

- Falta de motivação: pessoas com menos Dopamina em suas fendas sinápticas (seja por menor produção ou maior metabolismo) tendem a ter menos motivação para iniciar projetos e fazer mudanças de hábito de vida. Pessoas com hipocortisolismo e hipotireoidismo também. Um médico funcional, neurologista ou psiquiatra pode identificar e tratar isso! Não deixe de procurar ajuda.



Adote estratégias para superar a Procrastinação:


- Perdoe-se por procrastinar no passado. Estudos mostram que o auto-perdão melhora sua auto-estima e reduzem a chance de procrastinar no futuro.

- Comprometa-se com a tarefa. Foque em terminar logo! Faça listas e estabeleça prazos! Não deixe-as acumular pois isso gera mais desânimo!

- Estabeleça pequenas metas… baby steps… Faça uma lista de todas as pendências pequenas e comprometa-se a dedicar 15 minutos do seu dia para ir resolvendo-as.

- Recompense tarefas difíceis! Não com comida… Comida nunca deve ser encarada como recompensa… Mas que tal uma massagem? Uma sessão de cinema? Um drink com os amigos? Um livro novo?

- Escolha uma pessoa para cobrar seu progresso. Essa “pressão” nos ajuda a completar tarefas!

- Reformule seu diálogo… Ao invés de “tenho que fazer”… que implica a ausência de escolhas e desânimo, diga “eu escolho fazer”.

- Minimize distrações! Desligue TV, email e mensagens enquanto completa a tarefa. O quanto mais você focar, mais rápido terminará.

- Faça a tarefa mais chata primeiro… A sensação de cumprir algo assim já te dá uma injecção de ânimo para completar outras tarefas.

- Foque nas consequências de não fazer a tarefa… O que de pior aconteceria se você fizesse a tarefa? E o que pior aconteceria se você não fizer a tarefa? Normalmente o raciocínio leva a um comportamento mais resolutivo.

- Escreva suas desculpas e leia em voz alta… algumas vão soar tão absurdas que você se convencerá a agir. Pare de se enganar.

- Priorizar é uma Arte e pode ser desenvolvida… Faça listas, organize sua agenda! Não deixe para decidir na hora… dificilmente você irá fazer boas escolhas se não se programar! Agende o horário da academia, da meditação, das pausas para respirar fundo e alongar, das refeições (sentar à mesa atrasado significa comer mais rápido, em maior quantidade e pior qualidade… Você irá buscar comidas doces e gordurosas pois isso te remete a conforto, colo). Além disso, quando não programamos nossa agenda acabamos atrasados e estressados, liberando muito Cortisol e Catecolaminas, que são hormônios que aumentam a inflamação crônica, a incidência de doenças como Depressão, Ansiedade, Insônia, Alzheimer, Obesidade, Doenças Cardiovasculares e Auto-imunes e até mesmo câncer.

- Priorize seu sono! Acostume-se a ir dormir cedo e acordar cedo. Isso irá otimizar seu tempo. Todos têm 24h no dia… Os mais produtivos são aqueles que aprenderam que uma boa noite de sono não é luxo, é necessidade! Ao invés de ficar assistindo TV até tarde durante a semana, recondicione sua Pineal para voltar a produzir melatonina nos horários certos. A Melatonina é um hormônio anti-inflamatório e antioxidante, não atua apenas no sono… Falarei disso em outro post!

- Aprenda a delegar e automatizar (a tecnologia está a seu favor!). E peça ajuda!


No seu livro Ferramentas de Titãs (Tools of Titans) Tim Ferris entrevista dezenas de pessoas bem sucedidas (empresários, atletas, celebridades). Todos têm uma rotina estruturada. A maioria levanta cedo e já arruma a própria cama, pois ao completar uma tarefa “chata” logo ao levantar já condicionam seu cérebro ao modo resolutivo!


Outro livro que amo é O Milagre das manhãs, de Hal Elrod. Ensina como transformar seu dia adotando esse mindset resolutivo e aproveitar ao máximo o seu tempo!


Procrastinação é o maior ladrão do seu tempo de vida!

-Charles Dickens



34 views0 comments

Related Posts

See All