• Dra. Paula Reichert Leite

Efeitos da Meditação & Mantras no nosso Organismo

Updated: May 22


Meu lado médica foi a fundo estudar os benefícios reais da Meditação e Mantras para a nossa saúde.


Mantra, do sânscrito, significa instrumento ou veículo da mente (Man= mente, tra= transporte, veículo). Na cultura védica são utilizados há 3.500 anos, alguns têm significado, outros são apenas um som. Na meditação transcendental utiliza-se o mantra para guiar sua atenção para a prática toda vez que você se dispersa em pensamentos, sons ou sensações físicas. Ao cantar mantras você muda sua vibração e evoca um nível mais alto de consciência, levando a uma transformação espiritual, transcendendo a mente. Isso direciona o poder de cura do Prana (energia vital) e altera hábitos e impulsos subconscientes. A prática exige dedicação, mas ajudará a te trazer de volta para a simplicidade, a focar nas coisas que te inspiram e te fazem feliz.


Meus favoritos são o OM (uma letra do sânscrito, som do infinito e semente de onde surgiram os outros mantras) e o Lokah samastah sukhino bhavantu, um mantra de paz, onde se deseja liberdade e felicidade a todos os seres. No código está uma playlist onde coloquei esses dois mantras para vocês ouvirem (além de muitas outras músicas para trazer equilíbrio à nossa vida).


Estudos científicos comprovam que:

-altera as ondas cerebrais, gerando relaxamento e felicidade;

-aumenta BDNF, facilitando a neurogênese (formacao de novos neurônios) e neuroplasticidade (novas conexões ou sinapses), facilitando aprendizado, memória e regulação emocional;

-aumenta a massa cinzenta no córtex, impedindo o encolhimento que ocorre no envelhecimento;

-aumenta a espessura e atividade do córtex pré-frontal, ligado à expressão da personalidade, tomadas de decisões, resolução de problemas;

-fortalece a conexão entre o córtex pré-frontal e a amígdala, otimizando a regulação emocional. Você se torna menos reativo;

-inibe a atividade da Default Mode Network, aumentando nosso foco e concentração;

-reduz o cortisol (nosso principal hormônio do stress), modula nossa microbiota intestinal;

-aumenta a sensibilidade das nossas células aos hormônios tireoideanos

-reduz o stress oxidativo (os famosos radicais livres que geram inflamação, câncer e envelhecimento precoce);

-reduz a inflamacao (reduz ativação da via NFKB, a principal via inflamatória, reduz IL-6);

-aumenta telomerase e sirtuínas, ligadas à longevidade;

-aumenta DHEA e GH, hormônios ligados a longevidade;

-aumenta beta endorfinas, ligadas à prazer e felicidade;

-faz imunomodulação, reduzindo doenças auto-imunes e infecções;

-aumenta o tônus do Sistema Nervoso Parassimpático (nosso sistema de relaxamento que contrabalanceia o Sistema Nervosos Simpático, de stress, de luta ou fuga);

-ao reduzir o tônus simpático e sistema renina- angiotensina- aldosterona, reduz a pressão arterial e retenção de líquidos;

-aumenta serotonina, endorfinas, melatonina, acetilcolina, melhorando o sono e o humor.


Convencido?

Vários Apps podem te ajudar a começar a meditar! Gosto do headspace, Positiv, Chopra, Insight Timer, Calm.

Há muitos profissionais habilitados para isso! É um investimento sem igual para sua saúde e bem-estar!


Playlist de Mantras para Relaxamento:

https://open.spotify.com/playlist/3cVug66k8OP8wtdMkWxq73?si=a81fdeb1fd154802


Como qualquer atividade nova, o começo pode ser frustrante. A sua Meditação reflete outras áreas de sua vida: Se você está muito cansado poderá pegar no sono. Se você está em um período caótico, muito ocupado, você pode experienciar agitação na meditação.


Dicas para tornar a Meditação mais fácil e prazerosa:


Posicionamento é o segredo!

Use uma almofada alta (zafu ou qualquer outra) sob o bumbum para alinhar o quadril e a coluna, cruzando as pernas (joelhos e pés ficam num plano mais baixo que o quadril). O bumbum deve ficar levemente empinado, para que a coluna se encaixe dando suporte à cabeça. Se o quadril não estiver bem posicionado há contração da musculatura paravertebral e cervical, gerando desconforto.


Fome & Frio

Impossível relaxar quando estamos sentindo frio ou fome.


Distrações Externas

Para iniciantes pode ser um obstáculo… Escolha um lugar onde você não será interrompido e que seja relativamente silencioso. Desligue celular, feche a porta e peça para não interromperem. Caso medite ao acordar, não cheque emails e mensagens antes. Isso te deixará resolvendo mentalmente os problemas e você não conseguirá desligar. Se você percebe que se distrai facilmente foque na respiração (Leia meu post sobre Pranayama).


Sono

Evite meditar deitado ou em cadeiras muito confortáveis (com apoio para cabeça).


Expectativas

No início eu achava que meditação era a ausência de pensamentos, e quando me via fazendo listas de pendências a resolver eu me frustrava e desistia. Encare os pensamentos como nuvens… observe-os passar mas não se fixe a eles. Um mantra serve para chamar sua atenção ao momento presente. Não crie expectativas. Aceite o que vier à prática. Não fique analisando seu processo. Com o tempo prometo que você entrará em alfa mais rápido e a meditação se tornará cada dia melhor.


Rotina

Como exercícios, estabeleça um horário na sua rotina, senao não serão priorizados.




Referências:

https://docs.google.com/document/d/e/2PACX-1vT1TPX2lsntQSv5NtWtXVispnW-EgEhngEnzpTNLppHvKhsc72rqaab1O03IsdGeU-euAeHKPWll6BR/pub








16 views0 comments

Related Posts

See All